domingo, 8 de março de 2009

Hoje não quero flores


Uma notícia repercutiu em várias partes do mundo na última semana. Menina brasileira de nove anos, estuprada pelo padrasto desde os seis anos, grávida de gêmeos, submete-se a um aborto. O arcebispo da região onde a menina vive excomungou a família da criança, os médicos que realizaram o aborto e as demais pessoas que apoiaram o procedimento. O agressor foi poupado da excomunhão!

Quantos atos de violência contra a mulher foram cometidos na situação acima?

Enquanto situações como essa, e outras mais que coloquem a mulher (criança, jovem, adulta, idosa) em posição inferior, ainda existirem, o dia internacional da mulher será nublado, as comemorações serão menores, a despeito de todos os avanços conseguidos até agora.

Não quero flores. Quero JUSTIÇA!

9 comentários:

Lina Querubim disse...

Bom dia May
assino por baixo!
Aqui tb passou na TV essa situação :( a Igreja excomungou a mãe e os médicos que fizeram uma interrupção de gravidez a uma menina de 9 anos, grávida de gémeos, depois de violada pelo padrasto e desconfia-se que ele o tenha feito a outras irmãs.
Ele o padrasto não foi excomungado :-o
Beijinhos May e um dia feliz dentro do possivelg

Lou Magalhães disse...

Perfeito o comentário! Aliás,por conta disso, eu já me autoexcomunguei e isso é sério.
Aqui na tua torcida,
beijos

Linda disse...

Olá boa noite,
Também não quero flores... e sim justiça!

Isto só mostra como a Igreja é retrógrada e não respeita a mulher!

Bjs

Linda

Nela disse...

Vi esta notícia e fiquei estupefacta...! Quando é que cresceremos como humanidade?!

Cristina J. disse...

Também eu vi e ouvi a noticia e fiquei horrorizada com isto.

Para além de um acto animalesco: as violações á menina por parte do padrasto temos a actuação irracional da igreja. Excomunga-se a vitima e mantém-se o "fiél" criminoso...

Há aqui uma inversão de valores e de principios Sociais e Religiosos.

Assim não há forma de alterar o que quer que seja... infelizmente.

Bjinhos May

IsaLenca disse...

Terrível esta notícia! Os criminosos safam-se e a igreja católica a expulsar as vítimas.
É poe essas e outras como essa que a igreja também está em crise. Mas com tesas "morais" não será de estranhar!

E acredito que o que vem parar à Comunicação Social seja uma pequena parte. A igreja normalmente tem poder para abafar o que não lhes interessa. Neste caso não conseguiram.

Alda disse...

Maisa,
Também não quero flores... Quero justiça!
Nem tenho palavras para tanta violência!
Beijinhos

Lina Querubim disse...

Beijinho e uma boa semana! :)

justme disse...

Subscrevo totalmente, como se pode condenar essa pobre criança que já está marcada para o resto da vida e nem ligar ao cobarde( o nome menos mau que sou capaz de utilizar, neste momento de indignação)que deu cabo da vida de tanta gente (penso na própria criança, penso na mãe,pois tb tenho uma filha com 9 anos). E ainda vou mais longe: ouvi aqui no noticiário dizerem que o Papa estava de acordo com a excomunhão. Concordo com a Lou Magalhães: acabo de me autoexcomungar. Bjs.